Honestidade X Confiança

Oi Pessoal,

Andei lendo algumas matérias pela internet à fora e me veio à tona um tema para escrever no meu Blog hoje: honestidade e confiança.
São duas palavrinhas que ao meu ver andam de mãos dadas. Porque, se você é honesto, as pessoas lhe depositam confiança e a mesma é a base para você receber uma medalha por ser honesto.
No Mundo Patrões X Empregadas domésticas, eu já vi, li e ouvi histórias “cabeludissímas” e impossíveis de se acreditar. Mas existe e como existe! Eu acredito 200% que a honestidade vem de berço, vem da criação dos pais. Se você é bem instruído não há porque você desviar o caminho. Ou há? Claro que as pessoas se modificam porque o ambiente as modifica. Por exemplo: eu posso ter tido a melhor criação de todas, posso ter sido instruída da melhor forma, mas se algo ou “alguém” disser que tirei alguma vantagem em cima de alguma coisa e eu for uma pessoa fraca, que não sei lhe dar com a minha natureza, lógico que irei fracassar e me entregar. Gente, somos seres humanos, somos fracos diante de alguma oportunidade que pode mudar nossa vida.
Mas e se esse oportunidade boa pra mim prejudicar o meu próximo?
Eu penso da seguinte forma: o que é dos outros não é meu e só será meu se a pessoa me der de presente ou se eu batalhar para conseguir algo igual. Como passa pela minha cabeça “furtar” os meus patrões se eles já me dão de tudo? Principalmente porque reconhecem o meu trabalho e pagam meu salário.

Ah, então quer dizer que seu meu patrão for uma má pessoa comigo eu posso roubá-lo? De forma alguma, porque antes de tudo, eles depositaram a confiança em uma pessoa estranha e a colocou dentro da sua casa. Antes de tudo, eles pagam o seu salário que ajuda você a sustentar a sua família e por mais ruim que ele seja com você não há justificativa para tal falta de carater.

Se o seu patrão tem uma roupa bonita, ou uma joia que vale milhões, ou tem dinheiro, é tudo dele. Se você quer, lute para conquistar, lute para conseguir. Mas não queira ostentar às custas dos outros. Mesmo que aquela “joiazinha” não fará falta no meio à tantas outras. E se essa joiazinha que você pegou tiver valor afetivo para seu patrão? Você gostaria que alguém roubasse a única foto que você tem de alguém que não está mais com você? A única foto que faz você se lembrar daquela pessoa que se foi? Sua mãe, seu pai ou até um filho seu que morreu por circunstâncias da vida, por exemplo…?

Pense nisso…

Minha relação com meus patrões é muito tranquila em relação a tudo que diz respeito aos bens materiais. Como eu disse em outro post, eles respeitam o meu espaço e eu o deles. Acredito que eles têm total confiança em mim, e eu sempre fiz por merecer essa confiança, nunca deixei que desconfiassem de mim, mesmo porque nunca fiz nada que colocasse em cheque a minha honestidade. Eles confiam no meu trabalho, confiam os seus filhos nas minhas mãos, confiam a sua casa comigo e eu só lhes dou minha total honestidade e lealdade em troca.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s